sexta-feira, 8 de novembro de 2013

um olhar profundo



 
foi a Susana Pinto do Simplesmente Branco , que me apresentou e este vídeo e já faz tempo. Agora fazendo a limpeza da época e o balanço casamenteiro, revi as imagens e continuo a pensar o mesmo - casar na cidade grande pode ser muito divertido e sofisticado (o que nos agrada muito ou não seja eu filha da cidade grande), mas o Alentejo oferece algo especial, que tem tanto de duro como de mágico. A natureza é avassaladora, os dias estendem-se até nunca acabar e as noites são mágicas. A maior parte das vezes as flores não resistem, os espaços terão ainda que melhorar (muito), e o que existe de bom é caríssimo. Ainda muito esta por fazer, mas também é certo que muito caminho já se andou. Acreditamos que nada como casar com o pé na terra, cheirar a planície ao fim da tarde, deixar-se dourar pelo Sol e beber o melhor néctar da natureza à porta da adega. Digam-me lá onde existe outro sítio onde os Noivos podem chegar à festa em balão, pôr a mesa debaixo das estrelas e deixar o ar quente tomar conta de tudo e de todos, casar num castelo, à beira dum lago do tamanho do mundo, tirar fotos fabulosas numa estrada cheia de árvores vestidas a preceito , correr no meio do nada e só ter por companhia o Sol ? Ficaram interessados ? Eu continuo a achar que existe potencial e que o mais importante já existe ! o resto agora é com vocês, sejam bem vindos !

Sem comentários:

Enviar um comentário